Blog da Gena

Energia Solar para Empresas: como funciona

Energia Solar para Empresas

30, março 2021

O número de empresas que investem em energia solar tem crescido nos últimos anos. Seja pela popularização da tecnologia ou pela redução de gastos. Entretanto, muitos empresários ainda não sabem como a Energia Solar para Empresas funciona e como esse sistema pode ser um diferencial para o seu negócio.

As vantagens da energia solar para empresas vão além da redução da conta de luz no final do mês. A instalação de painéis fotovoltaicos diminui a dependência da empresa dos serviços da distribuidora de energia, não agride o meio-ambiente e é uma ótima oportunidade de marketing.

Uma vez que, cada vez mais, os clientes procuram por empresas sustentáveis. Ou seja, instituições que buscam formas de diminuir o impacto ambiental das suas atividades.

Um dos preconceitos com a instalação de Energia Solar para Empresas é que, muitos empresários acreditam que o sistema de energia solar comercial é complexo. Todavia, não poderiam estar mais enganados, o funcionamento do sistema é muito simples, veja:

Funcionamento da Energia Solar para Empresas

Primeiramente, o sistema de Energia Solar para Empresas não é independente da rede de eletricidade da distribuidora. Instalar um sistema de energia solar comercial não quer dizer que a empresa deixará de fazer parte da rede de distribuição. Ao contrário, os dois sistemas trabalharão juntos para fornecer a energia necessária.

A diferença é que a energia vinda da distribuidora será usada apenas quando a Energia Solar para Empresas não for suficiente para manter o negócio funcionando, como em horários de pico ou durante a noite.

O sistema de energia solar para comércio funciona da seguinte forma:

  • As placas fotovoltaicas captam a luz solar e a transformam em energia elétrica;
  • Em seguida, essa energia é enviada para o inversor fotovoltaico. Ele adapta a energia produzida para as características da rede elétrica da distribuidora;
  • A energia é disponibilizada na rede pronta para alimentar qualquer tipo de equipamento ou máquina elétrico;
  • O excedente de energia é devolvido para a rede de distribuição.

A importância do inversor fotovoltaico

Sem o inversor fotovoltaico não seria possível utilizar a energia solar. Isso porque, a energia elétrica produzida pelas placas fotovoltaicas é uma corrente continua. Enquanto a da rede de distribuição é uma corrente alternada.

Dessa forma, o inversor é o responsável por transformar a corrente continua em corrente alternada. Permitindo, com isso,  que a Energia Solar para Empresas possa ser utilizada. Além disso, ele também é o responsável por enviar o excedente de energia para a rede da distribuidora.

Por que Energia Solar para Empresas precisa estar ligada a rede da distribuidora

Em um sistema de energia solar para comércio, toda a energia produzida pelas placas fotovoltaicas é disponibilizada para uso imediato. Ou seja, a energia não é armazenada.

Dessa forma, toda a energia produzida é consumida pelas atividades da empresa. O que pode acontecer é: a quantidade de energia solar produzida não ser suficiente para manter o funcionamento da empresa durante o horário de pico. Sendo assim, a distribuidora fornece a energia necessária.

Do mesmo jeito, quando a energia solar produzida excede o consumo da empresa, ela é direcionada para a rede da distribuidora. Podendo assim, ser usada para alimentar outras empresas ou residências.

Os dois sistemas trabalhando em conjunto garantem o fornecimento adequado de energia para a empresa. Sendo que, a principal fonte é a energia solar e a distribuidora tem o papel de suprir a necessidade de energia apenas quando necessário.

Como fica a conta de luz com a Energia Solar para Empresas

A energia solar para empresas preço é uma das principais dúvidas dos empresários, como é feito esse cálculo?

A Resolução Normativa 482 da ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) determinou a utilização de um sistema de compensação para fazer o cálculo da conta de luz de empresas que possuem energia solar comercial.

Essa norma determina que as distribuidoras de energia devem compensar os proprietários de Energia Solar para Empresas pela eletricidade que foi injetada na rede de distribuição.

Dessa forma, todo o excedente de energia devolvido à distribuidora é computado e transformado em créditos energéticos para a empresa. Sendo assim, esses créditos são usados para abater o valor da conta de cada mês.

É importante saber que a conta de luz de uma empresa nunca será totalmente zerada. Os créditos energéticos são usados para abater o gasto da empresa com a energia elétrica. Ainda será necessário pagar as taxas referentes a disponibilidade da rede, iluminação pública e valor mínimo.

Caso o excedente da empresa seja maior que o consumo, os créditos podem ser abatidos nos meses seguintes, até o prazo máximo de 36 meses.

A Gena é uma empresa especializada na instalação de painéis solares. Clique aqui e peça um orçamento para o seu projeto de Energia Solar!  

30, março 2021

Deixe seu comentário

Fique por dentro das novidades sobre energia solar e economia na conta de luz!