Valorização do imóvel com energia solar é certa.
Energia Solar Residencial

A energia solar residencial vem ganhando cada vez mais espaço nos lares brasileiros. Ao longo dos anos, boa parte da população passou a se preocupar mais com o meio ambiente. Dessa forma as fontes de energia renováveis, como a energia solar fotovoltaica, foram ganhando notoriedade, e seus benefícios passaram a atrair cada vez mais pessoas.

Mas, como já era de se esperar, a energia solar em casa é rodeada de afirmações, que muitas vezes podem nos confundir. Por isso estamos aqui hoje, para desvendar alguns mitos e verdades sobre o assunto e te ajudar a não cair em mentiras. Confira.

O que é e como funciona a energia solar residencial?

Não podemos negar uma coisa: os painéis de energia solar fotovoltaica chamam a nossa atenção em qualquer lugar. É difícil enxergá-los no telhado de uma casa e não imaginar como todo aquele sistema funciona para suprir as necessidades de energia do local.

energia-solar-residencial-paineis

Assim como nas empresas, a energia solar em casa é gerada de acordo com a incidência da luz solar. Ela é levada para as tomadas e outros pontos elétricos, sendo consumida por tudo o que estiver ligado nestes pontos. Eletrodomésticos, lâmpadas, e etc, podem funcionar com a energia vinda do sol, e caso ela não seja suficiente, a rede elétrica será utilizada para suprir o que falta.

Mas você sabe o que acontece se “sobrar” energia solar? Quando gerada em grande escala, é possível que os gastos não sejam suficientes para utilizar toda a energia solar residencial produzida. Com isso é possível garantir créditos com a companhia de energia da sua cidade. O que for produzido em excesso vai para a companhia gerando créditos, que são convertidos em descontos na fatura no final do mês.

Mas será que é preciso continuar com a energia elétrica? De um modo geral, existem dois tipos de sistemas de energia solar fotovoltaica: on-grid e off-grid. Se quiser entender melhor como ambos funcionam, neste post explicamos mais a fundo. O modelo mais comum é o on-grid, sobre o qual falaremos hoje.

Infelizmente este sistema não funciona de maneira independente, por isso é necessário contar com a rede elétrica. Ele não armazena a energia solar residencial produzida em excesso e precisa de um relógio de luz que tem ligação com a companhia de sua cidade. Neste caso quando a energia produzida é insuficiente você não ficará sem eletricidade em casa, podendo utilizar a rede.

Agora que você já sabe como funciona a energia solar para residências, que tal conferir alguns mitos e verdades sobre o assunto? Vamos lá?

Mitos e verdades sobre energia solar residencial

Nem sempre podemos acreditar em tudo o que ouvimos sobre energia solar para residências. Infelizmente existem muitos mitos circulando por aí, e é normal acreditarmos em alguns deles. Distinguir o que é verdade ou mentira sobre energia solar fotovoltaica pode ser uma tarefa difícil. Por isso hoje vamos citar algumas frases famosas que costumamos ouvir e revelar o que realmente é fato. Acompanhe.

“Precisa usar a energia da companhia durante à noite”

Não necessariamente. Caso a energia solar residencial produzida durante o dia não for suficiente, é preciso depender da companhia à noite, mas isso não acontecerá sempre. Realmente os painéis solares não conseguem gerar energia enquanto não há sol, mas isso não significa que você ficará sem energia ou terá que utilizar a rede elétrica todas as noites. Este é um grande MITO.

“Você fica sem luz quando cai a energia na região”

Se o seu sistema for do tipo on-grid sim, você ficará sem energia neste caso. Toda a instalação depende da companhia de energia para funcionar. Por isso se esta energia não estiver chegando até a sua casa, você não poderá produzir a partir da luz solar, a não ser que você possua um sistema off-grid. Infelizmente essa afirmação é VERDADE.

“Energia solar não funciona no inverno”

energia-solar-residencial-clima

Muitas pessoas acreditam que a energia fotovoltaica é produzida a partir da incidência direta do sol sob os painéis. Na verdade a captação acontece quando há luz solar presente, ou seja: durante todo o dia. Também não é necessário que o clima esteja quente, pois o calor é um fato indiferente para a geração deste tipo de energia. Mesmo em dias nublados ou chuvosos a luz do sol incide sob os painéis, porém com menos intensidade. Este é mais um MITO.

“Você nunca irá zerar a fatura da companhia”

A energia solar residencial é um investimento que compensa ao longo do tempo, pois consegue reduzir drasticamente o valor da fatura de energia elétrica. Mas infelizmente existirá sempre o um valor mínimo cobrado pela companhia na fatura, e por isso não será possível zerar esta conta. Encontramos aqui mais uma VERDADE que ouvimos sobre energia solar em casa.

energia-solar-residencial

Gostou do post? Então continue acompanhando o blog Gena para mais dicas e informações sobre energia solar residencial.

Sem comentários

Deixe seu comentário